fbpx
Close

7 formas de prevenir o câncer estômago

É quase impossível prevenir o câncer estômago, contudo existem alguns hábitos que podem ser evitados pois são potenciais causadores desse mal no estômago.

Nas últimas décadas, uma crescente redução dos casos de câncer estômago pode estar relacionada aos novos hábitos alimentares que as pessoas adquiriram ao longo do tempo, bem como a uma maior facilidade na preservação das propriedades dos alimentos, com o avanço das tecnologias de refrigeração e armazenagem.

Neste artigo, trazemos 7 dicas para você tentar manter esse mal longe do seu organismo. Confira!

___

1. Cuide da alimentação

Evitar o consumo de peixes e carnes em conserva, alimentos demasiadamente salgados e outros defumados são algumas recomendações médicas. Por outro lado, consumir uma alimentação rica em legumes, verduras e frutas, é um ótimo começo para evitar o câncer estômago.

Frutas cítricas, tais como o limão e a laranja, são bastante indicados por serem boas fontes de vitamina C, que é antioxidante e, assim, previne os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento celular e o câncer.

Por fim, não é preciso eliminar as massas do cardápio, mas é de suma importância que elas sejam feitas à base de grãos integrais. Da mesma forma, é encorajado o consumo de cereais, grãos, além de carne branca (peixe e frango).

O consumo de carne vermelha em excesso, bem como de carne processada (salames, presuntos, linguiças e outros) deve ser evitado, uma vez que pode desencadear a formação de células cancerígenas, em razão da pouca incidência dos radicais livres.

___

2. Faça suplementação combinada

Combinar antioxidantes, tais como vitaminas A, C e E além de selênio mineral, pode ajudar a reduzir o risco de câncer estômago quando a pessoa não é capaz de manter uma alimentação devidamente balanceada.

___

3. Controle a obesidade

A obesidade tem alguma relação com o câncer estômago, porém manter uma atividade constante com o corpo, mesmo quando obeso, é um passo importante rumo à prevenção do câncer estômago. É preciso procurar um médico para tratá-la o mais rapidamente possível e tentar manter o peso sempre no valor ideal ou próximo disso, combinando uma dieta saudável com a prática de exercícios físicos.

___

4. Evite o fumo

Em fumantes, o risco de câncer estômago é exponencialmente maior, incluindo casos em que ele aparece como uma metástase de um câncer no esôfago. Além disso, o tabagismo aumenta o risco de desenvolvimento de diversos outros tipos de câncer.

___

5. Tome aspirina

Segundo estudos, o consumo de aspirina ou de anti-inflamatórios não esteroides, como o naproxeno e o ibuprofeno, evita o surgimento das células cancerígenas no estômago. Contudo, vale consultar um médico, pois tais medicamentos também podem provocar hemorragia e outros graves riscos.

Geralmente, esses medicamentos entram como um “plus” no combate ao câncer estômago em pacientes que os utilizem no tratamento de uma artrite, por exemplo.

___

6. Analise a hereditariedade

O câncer estômago tem uma porcentagem pequena de casos relacionados à hereditariedade.

Geralmente, quando há uma grande incidência de casos da doença na família, é recomendada a realização de um exame genético. Se o exame genético detectar que o gene CDH1 dessa pessoa se encontra em uma forma irregular, o médico recomendará medidas para evitar que o câncer se desenvolva.

___

7. Faça um check-up regularmente

Muita gente não gosta de ir ao médico, mas fazer um check-up completo ao menos uma vez ao ano ajuda no combate e no diagnóstico rápido de várias doenças, inclusive do câncer estômago, que, detectado em estágio inicial, terá um tratamento mais rápido e eficaz.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como gastroenterologista em Belo Horizonte!

___

Leia também:

Omeprazol causa demência?

Queimação no estômago: o que eu preciso saber

Cirrose tem cura? Descubra aqui.

Intolerância ao leite: sintomas e tratamento

Tire suas dúvidas sobre Hepatite C Crônica

Intolerância à Lactose: Tudo que você precisa saber

Hérnia de Hiato: sintomas, diagnóstico e tratamento

7 sintomas de gastrite crônica

___

Fonte: www.uptodate.com

Posts Relacionados

Deixe uma resposta